| | | 55 31 3568-1401

Sobrevivendo ao amargo inverno iraquiano

Postado em 09.01.15 no blog da Tearfund pela equipe de oração

Sobrevivendo ao amargo inverno iraquiano

O inverno está agora firmemente em curso no Iraque e a previsão é de que o frio dure pelos próximos três meses. As temperaturas enregelantes poderiam acarretar doenças ou até mesmo a morte para as pessoas deslocadas mais vulneráveis.

Como muitos iraquianos deslocados pelo conflito, Arfan * e sua família estão vivendo em uma tenda sem comida ou cobertores suficientes. Eles fugiram de sua casa em Sinjar no verão passado quando o Estado Islâmico (ISIS) avançou.

Nós não fugimos por medo de lutar e sim porque não queríamos expor nossas mulheres e meninas a qualquer possibilidade de viver sob o Estado Islâmico.

O medo de Arfan é fundamentado já que há relatos terríveis de meninas e mulheres sendo estupradas ou vendidas como escravas sexuais. A família viajou por vários dias a pé antes de atingir a Região do Curdistão, local em que a Tearfund atua no Iraque.

Em Sinjar Arfan era soldador. Apesar de seus esforços, ele foi incapaz de encontrar trabalho na Região do Curdistão e não tinha dinheiro para proteger sua família contra o frio intenso.

Felizmente temos agora fornecido a esta família um subsídio de emergência para atender às necessidades mais urgentes. A primeira prioridade de Arfan era comprar cobertores e agasalhos para seus três filhos pequenos.

Este é o melhor tipo de ajuda que eu poderia ter recebido uma vez que cada família tem suas próprias necessidades e prioridades únicas.Vocês estão nos tratando com respeito e dignidade para ajudar a nós mesmos.

Dê graças a Deus porque até agora temos sido capazes de ajudar 3.637 deslocados do povo iraquiano por meio de doações emergenciais de inverno.

Ore para que tudo corra bem com nossa equipe que já se prepara para um segundo projeto que vai ajudar mais 6.180 pessoas desta maneira.

Peça a Deus para continuar a proteger pessoas deslocadas como Arfan.

Ore especialmente pelas mulheres e meninas que sofreram abusos horríveis nas mãos do ISIS e ore também pela liberdade daqueles que ainda estão em cativeiro.

Ore para que 2015 seja um ano de passos genuínos em direção à paz no Iraque e em todo o Oriente Médio.

 * O nome foi alterado para proteger sua identidade.

Leave a Reply